:: institucional           :: projetos           :: serviços           :: sala de imprensa          :: parcerias          :: loja          :: contato     

CANAIS WOOZ

artigos
agenda cultural
artes visuais
cultura
cinema
dança
entrevistas
fotografia
internet
literatura
música
teatro
terceiro setor



Alberto Cataldi
Eliana Caminada
Fernando Fogliano
Roseli Pereira
Valmir Junior



clique aqui e faça um cadastro para receber informações Wooz
     TERCEIRO SETOR

Prêmio Empreendedor Social Ashoka - McKinsey tem inscrições abertas

Organizações da sociedade civil sem fins lucrativos ou cooperativas, todas com sede no Brasil, que pretendem aprender a usar a linguagem dos negócios para desenvolver projetos de amplo impacto social e, simultaneamente, gerar auto-sustentabilidade e/ou renda para seu público-alvo têm até o dia 28 de abril de 2006 para se inscrever na 5ª edição do Prêmio Empreendedor Social Ashoka - McKinsey.

De acordo com Ane Ramos, coordenadora do Centro de Competência para Empreendedores Sociais (CCES) Ashoka - McKinsey, o objetivo do projeto é empoderar o setor social, a partir de sua capacitação e fortalecimento da infra-estrutura. Por isso, durante oito meses, as organizações passarão por um processo de formação, que enfatiza conceitos de planejamento e gestão organizacional, elaboração de planos de negócios voltados para a sustentabilidade da instituição e para o desenvolvimento sustentável das comunidades atendidas, além de ampliação do impacto social das entidades e mobilização de recursos locais.

Este ano, o concurso está sendo organizado, simultaneamente, na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Peru e Uruguai. No Brasil, serão selecionadas 20 organizações. Ao final do treinamento, 10 serão escolhidas e terão seus planos revisados e finalizados, com o apoio de consultores da McKinsey, e estarão prontos para serem apresentados a possíveis financiadores.

Esses projetos serão avaliados por uma comissão julgadora, que vai escolher os três trabalhos vencedores. O melhor plano de negócios receberá um prêmio de R$ 45 mil, o segundo lugar, de R$ 30 mil, e o terceiro, R$ 15 mil. Os três selecionados também vão participar do Círculo de Aprendizagem Regional, que vai reunir os demais vencedores da América Latina, para compartilhar as experiências.

Entre os critérios de seleção estão: o preenchimento correto da ficha de inscrição, a infra-estrutura da organização, avaliação da descrição do negócio, alinhamento entre a missão da organização e o plano de negócios proposto, impactos sociais e/ou ambientais esperados, replicabilidade e viabilidade do negócio, capacidade de geração de receitas para a organização e/ou público beneficiário e inovação.

As inscrições devem ser feitas pelo site, conforme as instruções descritas no Manual do Participante. As organizações devem indicar dois representantes (de nível diretivo, gerencial e/ou coordenação), que se comprometam a participar dos treinamentos em período integral. Os representantes devem possuir vínculo empregatício ou como autônomo com a organização - a não ser que os indicados sejam fundadores ou presidentes da instituição e, portanto, voluntários.

O resultado será divulgado no mesmo site, no dia 12 de maio de 2006. As organizações selecionadas serão informadas, pelo e-mail de contato indicado na ficha de inscrição. ONGs que participaram de outras edições do Prêmio podem concorrer novamente, contanto que apresentem planos de negócio diferentes.


Fonte: www.setor3.com.br