¤ institucional           ¤ projetos           ¤ serviços           ¤ sala de imprensa          ¤ parcerias          ¤ loja          ¤ contato     


artigos
agenda cultural
artes visuais
cultura
cinema
dança
entrevistas
fotografia
internet
literatura
música
teatro
terceiro setor



clique aqui e faça um cadastro para receber informações Wooz
     SALA DE IMPRENSA
Sandro Borelli dança na Alpharrabio em Santo André
DIÁRIO DO GRANDE ABC

07 de maio de 2003

Gislaine Gutierre

O coreógrafo e bailarino andreense Sandro Borelli inaugura nesta quinta-feira, na Alpharrabio, em Santo André, mais um projeto dedicado à dança na região. É o Dança à Deriva, que, na primeira quinta-feira de cada mês, levará um artista dessa linguagem ao espaço. A idéia é que cada um exponha seu trabalho e faça um debate com o público. O evento começa às 20h e é realizado em parceria com a ONG Cuca (Centro Unificado de Cultura e Arte). A coreografia que Borelli exibe é inédita no Brasil. É um trecho de Kasulo, espetáculo no qual o artista resgata vários de seus trabalhos anteriores. Entre eles, estão os inspirados nas obras literárias A Metamorfose, de Franz Kafka (1883-1924), e O Eu, do poeta Augusto dos Anjos (1884-1914). Foram apresentados, respectivamente, O Korvo e A Metamorfose, no ano passado, e Plásmica Substância e Senhor dos Anjos - O Lamento das Coisas, em 2001.

De acordo com a idealizadora do projeto, Solange Borelli, a intenção é levar à Alpharrabio profissionais da dança contemporânea que tenham um trabalho de criação "com temáticas contundentes e instigantes". Todos exibirão uma coreografia curta - com cerca de 30 minutos de duração - e em seguida farão um debate. "Tenho certeza de que falta, na região, um espaço para discutir sobre a dança, sobretudo a contemporânea. Há uma grande quantidade de academias no Grande ABC que trabalham, muitas vezes, e infelizmente, com conceitos ultrapassados ou equivocados. Ainda há muito preconceito em relação à dança contemporânea", afirma. Para Solange, o debate no Dança à Deriva não se resume a comentar sobre linguagens e processos de criação. "É um bom momento para falarmos também de política cultural e patrocínios".

O Dança à Deriva ainda pretende promover espetáculos completos dos coreógrafos convidados. Pelo menos na estréia, será desta forma. Além da performance desta quinta-feira na Alpharrabio, Sandro Borelli exibirá a versão integral de Kasulo no Teatro Municipal da cidade, no dia 17 deste mês.

Dança à Deriva - Evento de dança com a apresentação de Kasulo, de Sandro Borelli. Quinta-feira, às 20h. Na Alpharrabio - r. Eduardo Monteiro, 151, Santo André. Tel.: 4438-4358. Ingr.: R$ 6 e R$ 3 (estudantes e sócios do Cuca).