:: institucional           :: projetos           :: serviços           :: sala de imprensa          :: parcerias          :: loja          :: contato     

CANAIS WOOZ

artigos
agenda cultural
artes visuais
cultura
cinema
dança
entrevistas
fotografia
internet
literatura
música
teatro
terceiro setor



Alberto Cataldi
Eliana Caminada
Fernando Fogliano
Roseli Pereira
Valmir Junior



clique aqui e faça um cadastro para receber informações Wooz
     MÚSICA

Mostra de Música Instrumental
com reunião de sons e estilos


Sesc Araraquara realiza oficinas, workshops, ensaio aberto e apresenta espetáculos nacionais e internacionais

Uma deliciosa reunião de sons, estilos e gerações. Essa é a proposta da Mostra de Música Instrumental que o Sesc Araraquara realiza de 2 a 23 de julho. A música instrumental é por si só a melhor expressão, a referência artística “globalizada”, que experimenta sons de quaisquer lugares, sendo uma formação híbrida de vários gêneros musicais. Além dos espetáculos com músicos reconhecidos nacional e internacionalmente, a mostra traz oficinas, workshops e ensaio aberto para aproximar o público do universo musical.

A abertura da mostra fica por conta do grupo mineiro Uakti – Oficina Instrumental no sábado, dia 2, na Convivência Interna. Com sua inovação musical, o grupo desenvolveu um trabalho inédito. O grupo apresenta a magia de sua música instrumental que atinge todos os sentidos por ter forma, imagem e cor. Uakti surpreende a começar pela confecção de seus próprios instrumentos de materiais do cotidiano, como tubos de PVC, vidros, metais, pedras e até água. O grupo já trabalho com artistas consagrados nacionais, como Milton Nascimento, Maria Bethânia, Ney Matogrosso, Skank, Zélia Duncan, e internacionais, como Paul Simon, Philip Glass e The Manhattan Transfer.

No domingo, dia 3, o Trio Adam Pieronczyk sobe ao palco do Teatro do Sesc Araraquara. O polonês Adam é considerado um dos mais influentes e criativos intérpretes e compositores da cena do jazz atual. Líder e membro de vários grupos e projetos musicais de jazz e world music, os álbuns do saxofonista são freqüentemente considerados como importante contribuição ao jazz do novo milênio por aliar requinte e precisão em seus concertos e produções musicais. O saxofonista virtuose imprime emoção e espiritualidade em suas produções musicais, combinadas com seu timbre caloroso e imaginação. Adam se instalou na Alemanha para aperfeiçoar sua formação de jazzman, depois de ter sido consagrado na clarineta e no saxofone. Viajou pela Europa e pelos Estados Unidos com grandes nomes do jazz como Gary Thomas, Archie Shepp e Bobby McFerrin. Além do saxofonista, o trio é formado pelo baixista Robert Kubiszyn e pelo baterista Krysztof Dziedzic.

Com fusão de melodias tradicionais, o grupo araraquarense Batucada Brazuca traz ao Palco Lanchonete do Sesc Araraquara chorinho, baião, frevo, polca, maxixe e outros gêneros da música instrumental na sexta, dia 08. O grupo é formado por Cleber Fogaça no baixo, Marques Volpe Júnior na bateria, Cleber Rangel no bandolim e Fabiano Machesini na guitarra.

Para interpretar repertório próprio, a Orquestra de Contrabaixos Tropical mostra, no sábado, dia 09, na biblioteca, seu jeito alegre e inusitada de fazer música. Formada por seis músicos experientes em diversas áreas musicais, a orquestra apresenta o show “A Nota Filosofal” em que explora os variados recursos técnicos e sonoros possíveis do contrabaixo, levando o público a descobrir outras faces desse instrumento. Orquestra formada por Tibô Delor, Zé Alexandre Carvalho, Beto Vianna, Clóvis Camargo, Guigui Pfaffenbach e Gustavo D'Ippolito.

O maior improvisador à flauta, Altamiro Carrilho se apresenta na área de Convivência Interna no sábado, dia 09, acompanhado do grupo Época de Ouro. Aos 81 anos, o flautista traz apurado repertório com arranjos de música clássica em ritmos brasileiros e conta também histórias da música popular brasileira de forma descontraída durante o show. Considerado o mais importante “regional” do Brasil, o Época de Ouro tornou-se o responsável por manter o chorinho no cenário musical nacional no auge da bossa nova na década de 60. Dentre os integrantes da formação original, destacam-se Jorginho do Pandeiro, Dino 7 Cordas (um dos responsáveis pela formatação da técnica do violão 7 cordas) e César Faria (pai do Paulinho da Viola), acompanhados por Toni, Carlinhos Leite, Jorge Filho, Dininho e Ronaldo do Bandolim. Em diferentes estilos, o quarteto holandês 4 Sure valoriza as influências musicais de seus integrantes, dois do Suriname, um da Holanda e um mexicano. No domingo, dia 10, o grupo apresenta o som criado do mais puro jazz latino com fortes melodias de ritmos brasileiros e cubanos. Formado por Pablo Nahar no baixo, Robin van Geerke no piano, Efraïm Trujillo no sax e Olaf Keus na bateria.

Com oito Cds lançados no Brasil, Europa e Estados Unidos, o Duofel faz a apresentação na quinta, dia 14, no Teatro, de uma seleção de 25 anos de carreira e a traz as duas novas músicas que ligam as harmonias dos violões à música eletrônica do grupo de DJs Lunatics. A música do duo cria e reinventa sons em violões com cordas de aço e no tradicional violão clássico. Formado por Fernando Melo e Luiz Bueno, dois dos melhores violonistas do Brasil, o Duofel também realiza workshop na quinta, dia 14.

Formado por músicos de Jaú, o Trio Cobra Criada pretende fazer principalmente música instrumental brasileira, valendo-se de ritmos como samba, baião, maracatu, frevo com pitadas de jazz e música erudita. O trio mostra seu trabalho no Palco Lanchonete na sexta, dia15. Com Fábio Lopes no violão e guitarra, Maicon Steves no contrabaixo e Carlos Borim na percussão e bateria.

Após duas décadas tocando pelo mundo afora, Naná Vasconcelos vem ao Sesc Araraquara para mostrar, na área da Convivência Interna, no sábado, dia 16, as raízes de sua terra que estão presentes em tudo o que faz. Aprendeu a tocar praticamente todos os instrumentos de percussão graças a sua curiosidade que o levou a conhecer desde o compositor erudito brasileiro Villa Lobos até o roqueiro americano Jimi Hendrix. Nos anos 60 se especializou em berimbau, sendo reconhecido como um dos melhores tocadores. Além de assinar trilhas sonoras dos filmes “Down by Law” e “Procura-se Susan Desesperadamente”, Nana Vasconcelos responde pela direção artística do importante festival Panorama Percussivo Mundial (Percpan), em Salvador, e do projeto ABC Musical. O percusionista também oferece workshop no Sesc Araraquara, no domingo, dia 17.

Atualmente, também responde pela direção artística do importante festival Panorama Percussivo Mundial (Percpan) em Salvador e do projeto ABC Musical.

O violonista Nicolas Krassik, francês radicado no Brasil e formado em música erudita e jazz, acompanha o grupo araraquarense Quarteto Café no Palco Lanchonete no domingo, dia 17, para tocar o melhor do choro com repertório de Pixinguinha, Jacob do Badolim, Altamiro Carrilho e outros. O quarteto é formado por Cléber no bandolim, André no pandeiro, Everton no cavaquinho e Fabiano no violão sete cordas.

Também no domingo, dia 17, o violonista Paulo Martelli apresenta no Teatro um programa eclético misturando o erudito, o popular e o jazz. Nesta apresentação, Martelli traz no repertório arranjos elaborados para obras do araraquarense José Henrique Martiniano de Oliveira, compositor de MPB, e 5 faixas de seu CD instrumental com diversidade de linguagens que vai do samba ao blues em seu violão de 11 cordas.

Liderada pelo saxofonista “Proveta”, a Banda Mantiqueira renova a sonoridade das big bands brasileiras com seus arranjos e interpretações de grandes autores de nossa música, desde Pixinguinha a Tom Jobim. Na quarta, dia 20, a banda promete surpreender pela qualidade de seus 13 solistas na Convivência Interna. A banda também faz no Sesc Araraquara um ensaio aberto, chance em que o público pode conversar com os músicos sobre seus instrumentos e arranjos, bem como a organização do grupo para o espetáculo.

Na quinta, dia 21, Wagner Tiso no piano e Victor Biglione no violão tomam conta do Palco do Teatro para reinterpretar clássicos da MPB com novos arranjos que tendem ao improviso. Pianista, compositor, arranjador e maestro, o mineiro Wagner tem 30 discos gravados, arranjos para importantes nomes da música brasileira e numerosas trilhas de cinema. O mais brasileiro dos argentinos, Victor impressiona pela facilidade com que transita de uma área a outra, registrando em discos a guitarra ou o violão. Um dos bateristas mais atuantes da MPB, Wilson das Neves se reúne na sexta, dia 22, no Palco Lanchonete, com o pianista Leandro Braga, o baixista Jorge Helder e o trompetista Altair Martins para interpretar Chico Buarque, Tom Jobim, João Gilberto e outros. Wilson das Neves já acompanhou em mais de 40 anos de carreira Elis Regina, Elza Soares, Roberto Carlos e muitos outros músicos. O baterista ministra workshop no sábado, dia 14.

Um marco na fusão jaz-bossa nova, o arranjador e pianista César Camargo Mariano apresenta no sábado, dia 23, o show “Solo”, em que se dedica cada vez mais a sua carreira como instrumentista solista. Neste concerto de piano na Convivência Interna, o músico inclui canções de Tom e Vinícius, Nelson Cavaquinho e suas composições.


Oficinas

Durante a Mostra, serão realizadas oficinas para oferecer alguns elementos básicos que caracterizam a música instrumental, tendo como público-alvo músicos e estudantes de música. Estão disponíveis 30 vagas e as inscrições devem ser feitas gratuitamente na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301.7500.

A oficina “Princípios Estéticos e Formais da Música Instrumental” apresenta noções teóricas relativas à harmonia e improvisação. Serão mostrados também exemplos de ritmos diversificados e formas mais usadas, valorizando o rico conteúdo artístico da música instrumental. Essa oficina abre espaço para que os alunos tragam seus instrumentos para tocar com o Trio Cobra Criada.

Outra oficina sobre “Harmonias, melodias e rítmicas”, ministrada pelo grupo Batucada Brazuca, apresenta a adaptação de rimos como samba, baião, xote, frevo e choro e suas demais derivações para a música instrumental, receorrendo a compassos não tradicionais.


Programação:

Grupo: Uakti – Oficina Instrumental
Local: Área de Convivência
Data: 02/07 (Sábado)
Horário: 21h
Participação: Gratuita. Lugares limitados (os ingressos devem ser retirados na Central de Atendimento)

Grupo: Adam Pieronczyk Trio
Local: Teatro do Sesc Araraquara
Data: 03/07 (Domingo)
Horário: 19h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Oficina: “Hamonias, melodias, rítmicas” – com Batucada Brazuca
Data: 5, 6 e 7/7 (Terça a Quinta)
Horário: das 18h30 às 20h
Local: Salas de Múltiplo Uso 3 e 4
Participação: Gratuita. Vagas limitadas (inscrições na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301-7500)
Público-Alvo: músicos e estudantes de música

Grupo: Batucada Brazuca
Local: Palco Lanchonete
Data: 08/07 (Sexta)
Horário: 19h30
Participação: Gratuita

Grupo: Orquestra de Contrabaixos Tropical
Local: Biblioteca
Data: 09/07 (Sábado)
Horário: 11h
Participação: Gratuita

Grupo: Naná Vasconcelos
Local: Área de Convivência
Data: 09/07 (Sábado)
Horário: 21h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Grupo: 4 Sure
Local: Teatro do Sesc
Data: 10/07 (Domingo)
Horário: 19h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Oficina: “Princípios Estéticos e Formais da Música Instrumentral” – com Trio Cobra Criada
Data: 13 e 14/07 (Quarta e Quinta)
Horário: das 18h30 às 20h
Local: Salas de Múltiplo Uso 3 e 4
Participação: Gratuita. Vagas limitadas (inscrições na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301-7500)
Público-Alvo: músicos e estudantes de música

Workshop – grupo Duofel
Data: 14/07 (Quinta)
Horário: 14h
Participação: Gratuita. Vagas limitadas (inscrições na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301-7500)
Público-Alvo: músicos, estudantes de música e interessados em geral

Grupo: Duofel + DJ Lunatics
Local: Teatro do Sesc
Data: 14/07 (Quinta)
Horário: 20h30
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Grupo: Trio Cobra Criada
Local: Palco Lanchonete
Data: 15/07 (Sexta)
Horário: 19h30
Participação: Gratuita

Grupo: Altamiro Carrilho + Época de Ouro
Local: Área de Convivência
Data: 16/07 (Sábado)
Horário: 21h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Evento: Workshop –com Naná Vasconcelos
Data: 17/07 (Domingo)
Horário: 10h
Participação: Gratuita. Vagas limitadas (inscrições na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301-7500)
Público-Alvo: músicos, estudantes de música e interessados em geral

Grupo: Quarteto Café e Nicolas Krassic
Local: Palco Lanchonete
Data: 17/07 (Domingo)
Horário: 15h30
Participação: Gratuita

Grupo: Paulo Martelli
Local: Palco Lanchonete
Data: 17/07 (Domingo)
Horário: 19h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Grupo: Banda Mantiqueira
Local: Convivência Interna
Data: 20/07 (Quarta)
Horário: 17h
Participação: Gratuita

Grupo: Banda Mantiqueira
Local: Convivência Interna
Data: 20/07 (Quarta)
Horário: 21h30
Participação: Gratuita. Lugares limitados (os ingressos devem ser retirados na Central de Atendimento)

Grupo: Wagner Tiso e Victor Biglione
Local: Teatro do Sesc
Data: 21/07 (Quinta)
Horário: 20h30
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)

Grupo: Wilson das Neves
Local: Palco Lanchonete
Data: 22/07 (Sexta)
Horário: 19h30
Participação: Gratuita

Workshop – com Wilson das Neves
Data: 23/07 (Sábado)
Horário: 10h
Participação: Gratuita. Vagas limitadas (inscrições na Central de Atendimento ou pelo telefone 3301-7500)
Público-Alvo: músicos, estudantes de música e interessados em geral

Grupo: César Camargo Mariano
Local: Convivência Interna
Data: 23/07 (Sábado)
Horário: 21h
Participação: Ingressos à venda na Central de Atendimento (R$ 6,00 – matriculados no Sesc, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos; R$ 12,00 – inteira)


Serviço
Endereço do Sesc Araraquara:
Rua Castro Alves, 1315
Informações: (16) 3301-7500
E-mail: e-mail@araraquara.sescsp.org.br