:: institucional           :: projetos           :: serviços           :: sala de imprensa          :: parcerias          :: loja          :: contato     

CANAIS WOOZ

artigos
agenda cultural
artes visuais
cultura
cinema
dança
entrevistas
fotografia
internet
literatura
música
teatro
terceiro setor



Fernando Fogliano
Roseli Pereira
Valmir Junior



clique aqui e faça um cadastro para receber informações Wooz
     DANÇA

O feminino na dança - 14ª edição

O feminino na dança apresenta trabalhos de dança contemporânea criados e interpretados por mulheres.
Nas coreografias Solo sem fim, Olhos para o céu e Pedaço de uma lembrança, que abrem esta edição, temos representantes de três gerações de dançarinas-coreógrafas mineiras unidas por um traço: a disposição para a pesquisa de movimento e a necessidade de atualizar o legado de técnicas e ferramentas disponíveis.
Em Onze Minutos, In Verso e Toca, trajetórias pedagógicas e profissionais são a base dos diferentes tons concebidos. Gestos e movimentos, próximos ou distantes de eventos dramáticos, configuram a singularidade de cada descrição nos corpos das dançarinas

"Toca"
Concepção, criação e interpretação: Lu Bortoletto
Direção: Letícia Sekito
cantora (ao vivo): Mônica Galvão
“Toca” faz uma analogia entre Corpo e Casa. Espaços habitados e preenchidos por memórias e imagens aonde podemos nos refugiar, nos proteger ou nos entocar,saindo de uma realidade e imergindo em outra(s), mais íntimas. O corpo em movimento comunica as sensações que a intérprete-criadora tem ao se recordar da casa onde viveu no período de sua infância, e toda a afetividade que a conecta com esse lugar, os objetos, os cheiros, a luminosidade, os sons. Essa imersão ou evocação gera diferentes estados corporais e imagens, tecendo uma relação poética entre a concretude inerente ao corpo e a subjetividade do imaginário e da memória.

"Onze Minutos"
Concepção, criação e interpretação: Débora Furquim
Direção: Ana Teixeira/ assistente direção: Ângela Nolf
Ensaio coreográfico que utiliza o fator tempo como motivo condutor, transitando por três argumenos: diferenças de estadodo corpo em uma situação de espera; a atuação do tempo no corpo; anecessidade do corpo de se situar no espaço-tempo.

"In Verso"
Coreografia e interpretação: Vanessa Macedo
Organiza-se em dois registros: de um lado, o silêncio, a poesia, o visceral, ressaltados numa dramaturgia corporal teatralizada; de outro, movimentos densos, por vezes agressivos, repetidos, ecoados. O espaço se organiza nos recortes delimitados pela luz, são caminhos que se formam indicando passagens que se esvaem na seqüência. Os movimentos desenham paredes que se fecham até os limites do corpo. Esse jogo de luz ressalta a impossibilidade de se retornar ao início, tal qual o ciclo da vida, indicando o fim.



Serviço
14• FEMININO NA DANÇA

25 de maio a 05 de junho de 2005
Centro Cultural São Paulo - rua Vergueiro, 1.000 - SP/SP - informações: 11 3277 3611 (ao lado do metrô Vergueiro) (ingressos: R$ 5,00). Quarta a sábado às 21h e domingos às 20h.