:: institucional           :: projetos           :: serviços           :: sala de imprensa          :: parcerias          :: loja          :: contato     

CANAIS WOOZ

artigos
agenda cultural
artes visuais
cultura
cinema
dança
entrevistas
fotografia
internet
literatura
música
teatro
terceiro setor



Fernando Fogliano
Roseli Pereira
Valmir Junior



clique aqui e faça um cadastro para receber informações Wooz
     CINEMA

3° Festival Internacional de Cinema Infantil


Um programa para toda a família

O Festival Internacional de Cinema Infantil, dirigido por Carla Camurati e Carla Esmeralda e realizado pela Copacabana Filmes, é o único evento nacional de cinema para crianças. O festival é itinerante e levará, de 27 de agosto a 30 de outubro, uma programação exclusiva de filmes de diferentes nacionalidades para as salas da rede Cinemark nas seguintes cidades: Rio de Janeiro, Niterói, São Paulo, Ribeirão Preto, Campinas, Brasília, Taguatinga, Aracajú, Curitiba e Belo Horizonte.

Neste ano, o 3° Festival Internacional de Cinema Infantil prestará uma homenagem a Mauricio de Sousa, por sua obra dedicada às crianças. Não há desenhista mais conhecido no Brasil por suas criações e encantadores personagens. Há muitas décadas suas histórias em quadrinhos têm penetração nas mais próximas e longínquas cidades brasileiras conquistando crianças e permanecendo no imaginário dos leitores que hoje já adultos continuam lendo suas revistinhas.

Os filmes da terceira edição do festival são:

Circolina e a grande ratinha, de Jannik Hastrup (Dinamarca),

O pequeno narigudo, de Ilya Maximov (Rússia),

O rei e o pássaro, de Paul Grimault (França),

Pinocchio 3000, de Daniel Robichaud (Espanha, França e Canadá);

Homem pelicano, de Lisa Helminnen (Finlândia e Suécia);

Bibi, a bruxinha, de Hermine Huntgeburth (Alemanha);

Sonho de uma noite de São João, de Angel de la Cruz e Manolo Gómez (Espanha);

Cinegibi, o filme – Turma da Mônica, de José Márcio Nicolosi (Brasil) – Sessão

Homenagem a Mauricio de Sousa;

Lendas em animação , seis lendas em animação

O Curupira e O Boto, de Humberto Avelar (Brasil)

Iara, de Sérgio Glenes (Brasil)

Porquê o Canguru salta em duas patas e Como surgiu a noite, de Andrés Lieban (Brasil)

Amor índio, de Rui de Oliveira (Brasil)

7 X A nimação, sete curtas de animação:

No fim do mundo, de Konstantin Bronzit (França)

Gato de apartamento, de Sarah Roper (França)

O monge e o peixe, de Michael Dudok de Wit (França)

A grande migração, de Iouri Tcherenkov (França)

A cabeça nas estrelas, de Sylvain Vincendeau, (França)

Dr. Espaço, de Rebecka Llerena (Suécia)

A raposa e o corvo, de Ferenc Cakó. (Hungria)


Além da programação oficial do festival, elaboramos para este ano o programa “Se você ainda não viu”, com sessões especiais de filmes das edições anteriores e a “Sessão Préestréia Brasil”, com filmes recentemente realizados por cineastas brasileiros.

Oficinas de Cinema de Animação serão realizadas pelo Canal Futura, em 3 capitais brasileiras: Rio de Janeiro, São Paulo e Aracajú, para que crianças conheçam a arte de criar e animar imagens. Estas oficinas são realizadas após a exibição dos filmes e são destinadas a crianças de ONG’s e escolas públicas. Para as ONG’s também são distribuídos 10.000 ingressos para que crianças excluídas das salas de cinema tenham acesso ao universo mágico de imagens de diferentes partes do mundo.

O Festival Internacional de Cinema Infantil realiza a dublagem de todos os filmes da programação oficial e estes filmes no ano subseqüente participam do projeto A TELA NA SALA DE AULA, no qual levamos alunos de redes de escolas públicas aos cinemas. No ano passado 51.358 crianças no Rio de Janeiro foram ao cinema neste projeto e seus professores receberam um catálogo pedagógico que associa propostas de atividades baseadas nos Padrões Curriculares do MEC aos temas assistidos nos filmes.

Formar uma nova platéia de pequenos espectadores e criar uma atmosfera para que a partir da atividade cinematográfica, pais e filhos conversem sobre a vida, são objetivos deste Festival.


CIDADES E DATAS:

Rio de Janeiro e Niterói:
27 e 28 de agosto, 3 e 4 de setembro:
Sessão “Se você ainda não viu”
de 09 a 18 de setembro: Programação Oficial do Festival 2005
São Paulo, Campinas e Ribeirão Preto:
17 e 18 de setembro:
Sessão "Se você ainda não viu"
de 23 de setembro a 02 de outubro:

Programação Oficial do Festival 2005 Belo Horizonte:
01 e 02 de outubro:
Sessão "Se você ainda não viu"
de 07 a 16 de outubro:

Programação Oficial do Festival 2005
Aracajú, Curitiba, Brasília e Taguatinga:
15 e 16 de outubro: ,br> Sessão "Se você ainda não viu".
de 21 a 30 de outubro:
Programação Oficial do Festival 2005


A IDÉIA

A idéia surgiu quando, em 2002, a Mostra do Cinema Brasileiro em Estocolmo prestou uma homenagem à cinematografia de Carla Camurati. A organização de um Festival exclusivo para crianças, realizado no mesmo período, em Estocolmo, chamou a atenção da cineasta que pode conhecer diversos filmes de países europeus. Impressionada com a qualidade dos filmes e encantada com a idéia de trazer estes filmes para crianças brasileiras foram iniciados contatos com parceiros que pudessem viabilizar a idéia.

Em sua terceira edição, o Festival Internacional de Cinema Infantil tem o patrocínio da Eletrobrás, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, da Riofilme e da Rede Cinemark, a parceria do Grupo VR e do Canal Futura, o apoio cultural da Petrobrás, da Gráficos Burti e da Coca Cola e a promoção da Globofilmes.

Mais informações no site www.festivaldecinemainfantil.com.br